Conheça um pouco de
Paraty

Logo Guia de Municípios

Paraty é uma das pequenas jóias do estado do Rio de Janeiro. A cidade é famosa por ser cenário de diversos eventos culturais de destaque nacional e também por abrigar belezas naturais muito bem preservadas.

Durante muito tempo, Paraty teve importância nas rotas de comércio de mercadorias e escravos. Porém, com o passar dos anos, novas rotas forem sendo descobertas e a cidade deixou de ser a rota principal. Esse “esquecimento” contribuiu para que Paraty seja como conhecemos hoje: uma cidade que parece ter saído das filmagens de um longa metragem.

Por abrigar diversos eventos, Paraty tem uma boas opções de hotéis, restaurantes, passeios e atividades para seus visitantes. Conheça um pouco mais sobre a cidade:

Alguns Lugares para visitar em Paraty

Fonte: Youtube

Saco do Mamanguá

Paraty tem muitas belezas e encantos e o Saco de Mamanguá é uma delas. O local é uma entrada de mar com 2 km de largura e uma extensão de 8 km. São 33 praias lindas e 8 comunidade caiçaras.  O Saco de Mamanguá tem uma paisagem, moldada pela Mata Atlântica, com muitas plantas, árvores e flores, e também um mangue com caranguejos e pássaros. O plus do Saco de Mamanguá é uma trilha, de nível médio, que leva até o pico do Pão de Açúcar. O pequeno paraíso ainda não é explorado por turistas, o que é ótimo para quem deseja mais tranquilidade e calmaria. 

Fonte: Melhores Destinos

Pedra Branca

A cachoeira Pedra Branca é uma das mais conhecidas e movimentadas de Paraty. Por ser calma e de acesso fácil, o lugar é rota comum de quem visita a cidade. A área que abriga a cachoeira era onde ficava a primeira hidrelétrica de Paraty. Pedra Branca possui duas quedas que formam piscinas naturais perfeitas para banhos. Os visitantes que possuem habilidade e bom condicionamento físico também podem subir  o paredão da cachoeira e aproveitar os poços acima das quedas. O local conta com uma boa infraestrutura e um bar.

Fonte: Casa da Cultura de Paraty

Casa da Cultura

A Casa da Cultura está localizada no centro histórico da cidade e é parada obrigatória para quem deseja conhecer mais sobre a história e o passado de Paraty. O casarão, onde a Casa da Cultura é instalada, guarda e celebra a memória da cidade. Com entrada gratuita, no local é possível ver peças, apresentações musicais, fazer oficinas e participar de eventos da cultura local. O objetivo da Casa é resgatar e fortalecer os talentos paratienses. 

Busque sua PASSAGEM DE ÔNIBUS

Booking.com

Informações
úteis

Cidades Vizinhas
Mangaratiba, Ubatuba e Angra dos Reis

DDD de Paraty: (24)

Bancos disponíveis

Banco Bradesco, Caixa Econômica Federal, Itaú, Sicoob, Banco do Brasil e Santander

Terminal Rodoviário Paraty
Endereço: Rua Jango Pádua - Patitiba, Paraty - RJ, 23970-000
Tel: (24) 3371-4030

Hotéis e
Pousadas

Pousada Villa Sol
Booking.com
Pousada Catarina
Booking.com
Pousada do Ouro
Booking.com
Casa Nostra
Booking.com
Pousada Arte Urquijo
Booking.com
Pousada Recanto Jota Ge
Booking.com
Pousada Paisagem
Booking.com
Pousada Porto Imperial
Booking.com
Pousada Morro do Forte
Booking.com
Fonte: Booking
Fonte: Booking
Fonte: Lazer completo
Fonte: Booking

Bares e
Restaurantes

Restaurante Banana da Terra
Endereço:R. Dr. Samuel Costa, 220 - centro Histórico, Paraty - RJ, 23970-000
Tel: (24) 3371-1725
Bendita s Restaurante
Endereço:R. Dr. Samuel Costa, 267 - Centro Histórico, Paraty - RJ - 23970-000
Tel: (24) 3371-1445
Thai Brasil
Endereço:Rua do Comércio 308A - Centro Histórico, Paraty - RJ 23970-000
Tel: (24) 3371-2760
Casa do Fogo Bistrô
Endereço:R. Cel. José Luiz 390 - Centro Histórico, Paraty - RJ 23970-000
Tel: (24) 3371-3163
Restaurante Caminho do Ouro
Endereço:R. Dr. Samuel Costa, 236 - Centro Histórico, Paraty - RJ 23970-000
Tel: (24) 3371-1689

Quando
Visitar

Decidir quando visitar Paraty não costuma ser uma tarefa fácil. Como a cidade abriga diversos eventos culturais durante todo o ano, parece que qualquer momento é o ideal para ir até lá. No entanto, quem gosta de se programar de acordo com o clima precisa estar ciente de que o verão em Paraty é de muita chuva. E o inverso ocorre nos períodos de frio: o clima fica bastante seco. Durante os meses de dezembro a março, a incidência de chuva é tamanha que chega a inundar o centro histórico da cidade. De abril a junho, a cidade tem menos chuvas e se torna agradável, apesar das temperaturas começarem a cair gradualmente. O período perfeito para quem quer conhecer a cidade fugindo das chuvas e das baixas temperaturas é a primavera, entre o final de setembro e meio de dezembro.