Atendimento

2º livro da trilogia “Os Guerreiros da Amazônia” é lançado na 22ª Bienal do Livro/SP no próximo sábado – Dia 11/8 Literatura de ficção baseada em super-heróis brasileiros que se unem a uma civilização perdida na floresta para salvar a Amazônia faz sucesso entre o público infanto-juvenil

No próximo sábado, dia 11 de agosto, a partir de 11h, o livro infanto-juvenil “Guerreiros da Amazônia – As Armaduras Sagradas” (RJR Editora), será lançado na 22ª Bienal do Livro, que acontece no Centro de Convenções Anhembi, em São Paulo. “Nossas crianças se encantam, aprendem e consomem os heróis estrangeiros, sabem de cor os nomes dos desenhos, dos personagens, das músicas e tudo o que engloba esse universo. Então, por que não criarmos uma história dinâmica, com todos esses elementos de aventura, mas dentro de uma realidade nacional e com super-herói 100% brasileiros? Essa foi a ideia inicial do projeto que vem gerando receptividade muito grande por parte do público mirim e jovem”, explica o autor Ronaldo Barcelos. Da ideia à finalização do livro, foram cinco anos de pesquisa. Barcelos contou com a participação de Ronaldo Santana para ilustrar o livro e teve a consultoria de especialistas ambientais como Paulo Coutinho para elaborar a história. “Além de Álvaro Ottoni, escritor infantil consagrado, também tive o apoio do Paulo Coutinho, ambientalista especializado em Amazônia” O autor também explica que o formato de trilogia ajuda na continuidade, gera um suspense e é uma forma aproveitar ao máximo o objetivo dos Amazons que é conscientizar os leitores e envolve-los numa aventura ao mesmo tempo. “Também resolvemos incluir um glossário com expressões importantes relacionadas ao tema e com significados de nomes indígenas presentes na obra e que enriqueceram nosso livro”, explica Barcelos. O terceiro e último livro da série deverá ser lançado em 2013 além de três longas-metragens de animação (baseados nos livros), quadrinhos e uma série para a TV.

A história – “Amazon – Guerreiros da Amazônia – As Armaduras Sagradas” é o segundo livro da trilogia que conta a história dos Amazons, descendentes de todas as tribos da Amazônia. Há 500 anos, com a invasão das Américas e a percepção de que seria impossível vencerem sem armas de fogo e cavalos, os caciques se reuniram e decidiram enviar para um local secreto da floresta representantes de suas tribos. Com o isolamento e a soma das culturas das tribos, os Amazons tornaram-se muito sábios, e cada guardião de sua época registrou as descobertas medicinais e os segredos da floresta no Livro Sagrado. Os espíritos da floresta presentearam os Amazons com a “Flor do Sol”, um cristal mágico que gerou dez armaduras com poderes de animais da região. Somente jovens escolhidos, a cada geração, podem vestir as armaduras. Os três primeiros heróis aparecem no primeiro livro da trilogia “O Templo da Luz”. São eles: Kleyton, Allan e Cynthia jovens que se acidentam num vôo pela floresta e que são resgatados pela tribo liderada por Alelauê, o guardião do Templo da Luz. São treinados pela tribo e se tornam heróis recebendo poderes da onça pintada (Kleyton se torna Aiuã) ,do boto (Allan se torna Akatan), e da da arara azul (Cynthia se torna Aiara). O segundo livro traz o reforço no time de heróis com os jovens guerreiros Mika (que se torna a heroína Aokara, com poderes da Ariranha, possui nado veloz e cura através das maos) e Manati (que se torna o guerreiro Anakauã com os poderes do peixe-boi habilidades especiais resistência sobrehumana, super força e super folego). Mais dois heróis serão revelados no próximo e ultimo volume. O vilão é representado pelo Dr. Zach, cientista ganancioso que explora a floresta de várias formas ilegais e persegue a lenda dos Amazons. Ele tem robôs enormes que pretende usar para roubar a “Flor do Sol” e dominar o mundo.

Ilustrações – O livro, todo impresso em papel cuchê, tem ilustrações do artista e diretor de animação Ronaldo Santana, que também assina o projeto gráfico ao lado de Dirceu Santos. “O visual dos personagens segue tendências e características de desenhos com super-heróis e vilões, e tem semelhança com os povos da floresta. São traços mais detalhados para o material impresso e mais simples para as animações. Na realidade, dirigi as criações, mas procurei interferir o mínimo possível no trabalho artístico do Ronaldo Santana”, disse.

O Autor – Ronaldo Barcelos nasceu no Rio de Janeiro, em 1971. Formado em Publicidade, trabalha com marketing, mídia e licenciamento de marcas há 23 anos. É sócio – diretor da RJR Produções, da TR Mídia e da Preffer Promoções. Em 1999, iniciou o projeto Amazon na Internet. “Amazon – Guerreiros da Amazônia – O Templo da Luz” é seu primeiro livro. Também fundou a ONG Guerreiros da Amazônia e realiza diversos projetos sociais e em escolas públicas tendo como instrumento seu livro.

ServiçoLançamento do Livro Guerreiros da Amazônia – As Armaduras Sagradas” Vol.2

Local: Bienal do Livro, Anhembi / SP

Data: 11 de agosto de 2012 (sábado)

Horário: A partir de 11h

Autor: Ronaldo Barcelos.

Editora: RJR Editora.

Páginas: 216.

Formato: 14,8x21cm

Preço: R$ 39,00

TRILOGIA “AMAZON – GUERREIROS DA AMAZÔNIA”

Projeto da RJR Produções traz saga infantil com super-heróis brasileiros que têm a missão de salvar a Floresta Amazônica.

Busque sua PASSAGEM AÉREA
Adultos
Crianças
24 meses à 11 anos
Bebês
até 23 meses 
(no colo)
Busque sua PASSAGEM DE ÔNIBUS
Encontre sua PASSAGEM AÉREA
Adultos
Crianças
24 meses à 11 anos
Bebês
até 23 meses 
(no colo)
Encontre sua PASSAGEM DE ÔNIBUS

VEJA TAMBÉM:

Veja Todas >

De segunda à sexta das 09:00 às 18:00 horas (exceto feriados).

Razão Social - Pbcom Assessoria e Participação S/C LTDA
CNPJ - 03.178.230/0001-33
Endereço - Av. Francisco Bicalho nº1,  mezanino, salas 31/34/35, Santo Cristo, Rio de Janeiro - RJ. Cep:20220-310