Trilhas no Rio de Janeiro: 7 Roteiros Para Quem Gosta de Aventura!

Mulher na vista para praia no Rio de Janeiro

17/10/2019

O Rio de Janeiro, também chamado de “Cidade Maravilhosa”, é conhecido por suas praias deslumbrantes, pelo Cristo Redentor, Pão de Açúcar, dentre outros ícones turísticos. Porém, o Rio também é uma ótima cidade para que os visitantes, e também locais, possam aproveitar o ecoturismo. Por estar localizado no litoral sudeste do Brasil, o Rio possui Mata Atlântica exuberante, morros e montanhas, o que contribui para que os turistas possam fazer trilhas incríveis.

As trilhas no Rio são famosas, devido às paisagens que proporcionam lá de cima. Por exemplo, a trilha da Pedra Bonita é uma das mais famosas da cidade. Para chegar lá, é preciso passar pela Estrada das Canoas. O caminho é tranqüilo, apesar de ser uma subida íngreme, e pode ser feito por iniciantes.

Chegado ao topo, o turista pode usufruir de muitas atividades esportivas. Abaixo, conheça mais sobre esta e outras muitas trilhas do Rio de Janeiro.

Trilhas no Rio de Janeiro

1 – Trilha do Morro da Urca

Visão no alto da Trilha do Morro da Urca Fonte: Viajante Curioso

Comumente, o acesso ao Morro da Urca é feito por meio dos bondinhos do Pão de Açúcar, um dos pontos turísticos mais famosos do Rio de Janeiro. Porém, caso os turistas queiram fugir desta opção, eles podem optar por subir o Morro da Urca pela trilha. Ela pode ser acessada pela Pista Claudio Coutinho, um local de passeio também muito interessante para os que desejam ver vistas estonteantes da Praia Vermelha.

Ao longo da pista, os turistas irão ver uma indicação para a trilha do Morro da Urca, de forma muito clara. Esta trilha faz parte da Transcarioca, um caminho que parte da Barra da Guaratiba e segue até o Morro da Urca. A trilha é bem tranquila, apenas o começo possui uma subida íngreme, e todo o percurso pode ser realizado em cerca de 40 minutos.

+ Veja Também Bondinho no Rio de Janeiro – Ingressos, Horários e Atrativos!

2 – Trilha da Pedra Bonita

Pessoa na Trilha da Pedra Bonita Fonte: Viagens Bacanas

A Trilha da Pedra Bonita, uma das mais famosas do Rio de Janeiro, não deve à sua popularidade apenas aos vôos de asa-delta que saem do local, mas também ao percurso muito bonito e paisagens ainda mais incríveis, quando chega-se lá em cima.

Esta trilha se localiza na Barra da Tijuca, e por isto é cercada pela Floresta da Tijuca, uma vegetação sempre muito verde e vívida. Esta trilha também pode ser feita em 40 minutos, mas recomenda-se que os turistas guardem um dia, ou, no mínimo, uma tarde inteira para realizar este passeio.

Chegando no topo da trilha, lá de cima, os turistas podem admirar tanto a beleza da parte urbana do Rio, observando a Zona Oeste e Sul da cidade, quanto da natureza, observando a Pedra da Gávea, o mar com diversos tons de azul e a própria Floresta da Tijuca.

3 – Trilha da Pedra do Pontal

Mulher na sentada na pedra na Trilha da Pedra do Pontal Fonte: Vida Mochileira

Na Zona Oeste do Rio de Janeiro, mais especificamente no bairro Recreio, está uma das trilhas mais agradáveis e bonitas de fazer na cidade. Com certeza, a vista ao chegar lá no cume é incrível e vale todo o esforço.

A Pedra do Pontal está ligada ao continente e às praias do Recreio dos Bandeirantes e da Macumba apenas pela areia. Inclusive, esta faixa curta de areia desaparece, nos dias de maré alta. Logo, quem realiza esta trilha, pode admirar estas praias incríveis do topo.

A trilha da Pedra do Pontal é curta, mas nem por isto é um caminho fácil de ser percorrido. A subida íngreme dificulta um pouco no começo, mas a parte que irá realmente exigir esforço dos turistas é a final, em que é preciso utilizar uma corda para chegar ao cume. Por isto, recomenda-se que todos tenham cuidados nesta parte final, e sempre se certifiquem de que a corda está em boas condições.

4 – Trilha do Morro dos Dois Irmãos

Trilha do Morro dos Dois Irmãos Fonte: Riotur

Percorrendo uma trilha de 1,5 km, com 40 minutos de caminhada, partindo da comunidade do Vidigal, os turistas têm a oportunidade de admirarem toda a Zona Sul do Rio de Janeiro, o que inclui os bairros e praias. A trilha do Morro dos Dois Irmãos é muito agradável, e o caminho é fácil de ser percorrido.

Para chegar ao começo da trilha, que parte da Vila Olímpica do Vidigal, recomenda-se que os turistas peguem um moto-táxi ou mesmo contem com a ajuda de alguma agência de turismo.

5 – Trilha da Pedra da Gávea

Pessoas subindo a Trilha da Pedra da Gávea Fonte: Trilhando Montanhas

Segundo boatos, a trilha da Pedra da Gávea é a mais difícil do Rio de Janeiro. Por isto, é recomendado que os turistas apenas realizem este percurso com a ajuda de um guia. Além de a trilha ser longa e exigir muito esforço físico, os turistas precisam encarar a Carrasqueira, um paredão de pedra que exige que seja feita uma escalada de nível fácil. Mas, ainda assim, é uma escalada.

No caminho para o pico da pedra, muitos guias turísticas optam por parar na Garganta do Céu, um mirante incrível. Até este local, o caminho é relativamente tranquilo, mas depois incia-se a pior parte do trajeto. Alguns trechos até mesmo precisam do auxílio de cordas.

Toda a trilha dura cerca de 4 horas, contando com as curtas pausas para descanso. Leve sempre comida e água para o passeio e siga as orientações dos guias. Ainda, é recomendado começar o passeio cedo, pois o Parque Nacional da Tijuca fecha sempre às 17 horas.

6 – Trilha da Pedra do Telégrafo

Mulher sentada na Pedra do Telégrafo Fonte: Apure guria

No Parque Estadual da Pedra Branca, está a Pedra do Telégrafo, também conhecida como Morro da Guaratiba. E, este local ficou conhecido pelas diversas fotos de turistas que parecem estar à beira do cume, se segurando à Pedra da Bigorna, um dos grandes atrativos do local.

Lá de cima do cume da Pedra do Telégrafo os turistas podem ver a Restinga da Marambaia, as Praias Selvagens, Praia do Grumari, Recreio dos Bandeirantes, dentre muitos outros locais. Porém, o que realmente vale a pena observar é o pôr do Sol maravilhoso, ao final da tarde. A trilha dura cerca de uma hora e começa na Praia Grande.

7 – Trilha do Costão do Itacoatiara

Vista do alto da Trilha do Costão do Itacoatiara Fonte: Viaja bi

Localizada não na Cidade Maravilhosa, mas sim em Niterói, a trilha do Morro de Itacoatiara é uma opção de passeio incrível. O início da trilha é na Rua das Papoulas, onde há uma entrada para o Parque Estadual da Serra da Tiririca. O Parque está aberto das 8 às 17 horas, e só podem entrar 200 visitantes por vez, para preservação do local.

Esta trilha não é fácil, pois possui uma subida íngreme, e por isto deve ser feita por pessoas que possuam certo condicionamento físico. Ela tem 2 km de extensão, e, chegando ao cume, os turistas podem ver as praias de Itacoatiara, Itaipu, Camboinhas, Pedra da Gávea, Pão de Açúcar, dentre outras locais lindos.

 

Busque sua PASSAGEM AÉREA

Adultos
Crianças
24 meses à 11 anos
Bebês
até 23 meses (no colo)

Busque sua PASSAGEM DE ÔNIBUS

Busque sua PASSAGEM AÉREA

Adultos
Crianças
24 meses à 11 anos
Bebês
até 23 meses (no colo)

Busque sua PASSAGEM DE ÔNIBUS

Veja também:

Praia de Copacabana
O que fazer em Copacabana? 4 Roteiros Imperdíveis Para Você!
Cadeg - Rio de Janeiro
CADEG – Rio de Janeiro: Onde Fica, Como Chegar, Lojas e Roteiros!
Mirante Dona Marta
Mirante Dona Marta – RJ: Como Chegar, Passeios e Recomendações!
MAR Museu no Rio de Janeiro Oscar Niemeyer
6 Obras de Oscar Niemeyer Para Você Conhecer no Rio de Janeiro!
Vista Chinesa no Rio de Janeiro
Vista Chinesa no Rio de Janeiro: Onde fica, como chegar, atrativos e dicas!
Veja Todas > Booking.com
Cadastur